Arquivo da categoria 'Ciberespaço'

Mortos do Facebook: ensaio sobre memorialismo virtual

Por Flávio Tonnetti

O mundo digital abriu possibilidades para que a vida se manifestasse num novo espaço virtual. Nossas projeções de nós mesmos aumentaram os acontecimentos, registros e manifestações de nossas vidas. O que ninguém contava, no início dos mundos virtuais, é que também se converteriam em um novo lugar para a morte.

No espaço físico do mundo presencial, nos habituamos a lidar com os lugares geograficamente destinados à morte. Na cultura a partir da qual escrevo, criaram-se cemitérios, este tipo especial de lugar circunscrito no interior das cidades inteiramente dedicado a receber os mortos. Administrados por instituições, públicas ou privadas, são socialmente incorporados como espaços memorialistas. Mas de quem são os corpos digitais e a que lugar pertencem os mortos da internet? E como comportar os corpos virtuais vivos daqueles que entre nós morreram? Ler mais »